EM CARTAZ : MATTEO BONFITTO ESTREIA “PALAVRAS CORROMPIDAS” NO PROJETO TEATRO MÍNIMO DO SESC IPIRANGA

0
202

Cassiano Leonardo especial para o Aplauso Brasil (Cassiano@aplausobrasil.com.br)

SÃO PAULO – Com estreia no próximo dia 17 de fevereiro, sexta-feira, às 21h30, dentro do projeto Teatro Mínimo do Sesc Ipiranga, o espetáculo Palavras Corrompidas, solo de Matteo Bonfitto, reflete sobre a vulnerabilidade das palavras. A montagem, que tem direção e dramaturgia do próprio ator, marca mais uma criação do PERFORMA TEATRO – Núcleo de Criação e Pesquisa Cênica.

Criado a partir da obra Carta de Lorde Chandos, de Hugo Von Hofmannsthal, o espetáculo busca mostrar como a degeneração ética e política pode transformar as palavras em cogumelos podres. Na montagem, uma personagem em crise conduz o público por um percurso que atravessa diferentes espaços do Sesc Ipiranga.

O ator, diretor e dramaturgo Matteo Bonfitto explica que a montagem faz uma convergência entre artes cênicas e filosofia com forte influência da performance, que nesse caso envolve uma busca de ampliação da percepção que temos das palavras. “Ao refletir sobre as possibilidades construtivas das palavras percebe-se que elas podem ser reveladoras de nossos processos mais profundos e de nossas experiências mais íntimas. Mas um olhar mais atento logo reconhece que esses não são atributos das palavras em si, mas que tais qualidades emergem antes de tudo de um trabalho sobre nós mesmos”, acredita ele.

Palavras Corrompidas começa na quadra esportiva da unidade do Sesc Ipiranga, instaurando um percurso narrativo permeado por situações e atmosferas que preparam o público para os desdobramentos que acontecerão. Na segunda parte, a plateia é levada ao auditório. Entre vários objetos – todos brancos – há uma mesa e algumas cadeiras, onde sete pessoas se sentarão junto com o ator e dividirão o prato principal, a imaginação.

Com o objetivo de salientar a força das palavras como construtoras de realidades, iluminação, cenografia e figurino seguem uma linguagem minimalista com poucos objetos e projeções de imagens e vídeos. Contrastando o minimalismo que permeia os outros aspectos do espetáculo, algumas peças de Bach para violoncelo – repleta de detalhes e rebuscamentos – compõem parte da trilha sonora da montagem.

FICHA TÉCNICA:

PALAVRAS CORROMPIDAS –
Estreia dia 17 de fevereiro, sexta-feira, às 21h30, no Auditório do Sesc Ipiranga.
Direção, Dramaturgia e Atuação – Matteo Bonfitto.
Assistente de Direção – Gisela Dória.
Iluminação – Camila Jordão.
Figurino – Helô Cardoso.
Criação de Vídeos – Lucas Reitano.
Fotos e Registro Audiovisual – Leo Brant.
Cenotécnica – Majó.
Direção de Produção – Graziela Mantoanelli.
Assistente de Produção – Rick Nagash.

 

SESC IPIRANGA – AUDITÓRIO –
Rua Bom Pastor, 822 – Ipiranga.
Telefone – (11) 3340-2000.
Capacidade – 30 lugares.
Acesso para deficientes físicos.
Bilheteria – De terça a sexta das 12 às 21 horas, sábado das 10 às 21h30 e domingo e feriado das 10 às 18 horas (ingressos à venda em todas as unidades do SESC). Não há estacionamento. www.sescsp.org.br.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe seu comentário
Por favor, preencha seu nome

*